sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

PARABÉNS FANTASMA

Há 81 anos, no dia 17 de fevereiro de 1936 , começava a ser publicada em tiras diárias de jornal nos Estados Unidos da America, do gênero de aventuras, de um combatente do crime, mascarado e usando uma roupa colante ao corpo, criado por Lee Falk, a série The Phantom ( O FANTASMA ). Sendo que, as historias do personagem, eram ambientadas em um fictício país africano chamado Bangalla... na tira, o Fantasma foi vigésimo primeiro em uma linha de combatentes do crime que começou em 1535, quando o pai do marinheiro britânico Christopher Standish foi morto durante um ataque de piratas. Após jurar ao crânio do assassino de seu pai que iria lutar contra o mal, Christopher começou um legado do Fantasma que iria passar de pai para filho. Sendo que, o chamado sobrenome Walker, na realidade é um pseudonimo que foi herdado pelo segundo Fantasma, por causa dos atos do seu pai, o primeiro fantasma que era muito ágil quando combatia os malfeitores na selva... na qual, dava impressão de que ele estava em todos os lugares... Walker em inglês quer dizer... Andador. Apelidos para o Fantasma incluem "O espírito que anda" e "O Homem que não pode morrer" entre outros. Ao contrário de outros heróis fantasiados da ficção, o Fantasma não tem super poderes e confia em sua força, inteligência e imortalidade de renome para derrotar seus inimigos. O vigésimo primeiro Fantasma é casado com Diana Palmer; eles se conheceram quando ele estudou nos Estados Unidos e têm dois filhos, Kit e Heloise. Ele tem um lobo treinado, chamado Capeto, e um cavalo chamado Herói. Como os Fantasmas anteriores, ele vive na Floresta Negra protegida pelos pigmeus Bandar mas, ao contrario dos seus ancestrais que sempre moraram na antiga caverna da caveira, ele construiu, com ajuda do Povo das Cordas, uma enorme casa na arvore.
O Fantasma foi o primeiro herói fictício a vestir um traje colante que se tornou uma marca registrada dos super-heróis de histórias em quadrinhos e foi a primeira série a mostrar uma máscara sem pupilas visíveis (outro padrão de super-heróis).
Vida longa ao FANTASMA !
TEXTO: HELIO GUERRA



Nenhum comentário: